comida

A importância da correta utilização do Vale-Refeição

Por: Celso Campello Neto

Uma prática comum em empresas é o hábito dos colaboradores levarem lanches para o local de trabalho visando economizar o benefício do Vale-Refeição. O intuito é utilizá-lo apenas nos fins de semana, em bares ou restaurantes, ou seja: com um propósito distinto daquele para o qual foi criado – algo semelhante ao que ocorria com o Vale-Transporte antes do surgimento da bilhetagem eletrônica (os bilhetes eram ilegalmente vendidos com deságio ou usados como moeda em alguns estabelecimentos comerciais).

 Quem tem esse hábito não leva em consideração o fato de o benefício ser um estímulo para que os funcionários optem por refeições mais saudáveis em seu dia a dia, permitindo que desempenhem melhor suas funções dentro da empresa. Portanto, ao “guardar” o Vale-Refeição para momentos de lazer, a pessoa acaba abdicando de uma dieta saudável, o que pode trazer uma série de malefícios à saúde em médio ou longo prazo.

Aliás, é importante ressaltar que o benefício não é uma obrigação. As leis trabalhistas determinam que os empregadores subsidiem apenas a locomoção dos trabalhadores de casa ao emprego e vice-versa, cabendo aos últimos arcar com os custos de sua alimentação. O Vale-Refeição, por sua vez, é concedido por meio de ajuste individual ou acordo coletivo com as empresas contratantes.

Há uma série de soluções que as companhias podem tomar com o objetivo de garantir que o benefício seja utilizado corretamente. O sistema eletrônico, por exemplo, permite o controle das datas e locais em que os cartões são utilizados. Outras empresas vêm adotando a criação de refeitórios coletivos diante de eventual falta ou grande distância de restaurantes adequados e também para garantir a boa alimentação dos trabalhadores.

Seja qual for a solução tomada, é importante conscientizar os trabalhadores a respeito da utilização correta do Vale-Refeição, principalmente no que diz respeito à sua saúde.

_______________________

2014-07-23-14.12

Celso Campello Neto é professor da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), especialista em Gestão de Projetos e Inteligência de Mercado e diretor-executivo da Benefício Certo, empresa brasileira de gestão de benefícios aos trabalhadores.

Deixe um comentario

Hey, então você decidiu deixar um comentário! Isso é ótimo. Basta preencher os campos necessários e clique em enviar. Note que o seu comentário terá de ser revisto antes da sua publicação - medida para evitar spam.