correios-sedex

Correios implementam Vale-Cultura

Por: Celso Campello Neto

   Seguindo uma tendência que vem ganhando força nas grandes empresas, os Correios passaram a entregar o cartão do vale-cultura para cerca de 80 mil de seus trabalhadores. A expectativa, segundo a estatal, é que o número de pessoas beneficiados atinja a marca de 125 mil empregados, o equivalente a 64% do efetivo total da companhia.

O vale-cultura funciona por meio de um cartão magnético pré-pago, semelhante aos vale-transporte e alimentação. Instituído pelo governo federal, o benefício prevê a concessão de R$ 50 mensais destinados exclusivamente a gastos em produtos e serviços culturais. O valor é cumulativo e os créditos, que não têm data de validade, podem ser utilizados para teatro, cinema, concertos musicais, museus e outros. O cartão também serve para o pagamento de mensalidade de cursos relacionados ao tema, entre eles dança, circo, fotografia e música.

Os Correios informam que a concessão do vale-cultura foi viabilizada por meio de inscrição da estatal no Programa Cultura do Trabalhador, junto ao Ministério da Cultura. Para a oferta deste benefício, a empresa está investindo cerca de R$ 48 milhões por ano.

________________________________________________________________________________________

2014-07-23-14.12

Celso Campello Neto é professor da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), especialista em Gestão de Projetos e Inteligência de Mercado e diretor-executivo da Benefício Certo, empresa brasileira de gestão de benefícios aos trabalhadores.

Deixe um comentario

Hey, então você decidiu deixar um comentário! Isso é ótimo. Basta preencher os campos necessários e clique em enviar. Note que o seu comentário terá de ser revisto antes da sua publicação - medida para evitar spam.