4 bons motivos para se tornar um escritório pet friendly

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

Com a volta do trabalho presencial, muitos profissionais estão preocupados com o bem-estar dos pets, afinal, foram dois anos de isolamento social que intensificaram a relação entre os tutores e os animais de estimação.

De acordo com a pesquisa Radar Pet 2021, apresentada pela Comissão de Animais de Companhia (COMAC), 30% dos pets foram adquiridos durante o isolamento social, sendo que 23% dos tutores o fizeram pela primeira vez.

E à medida que as empresas estão voltando a rotina presencial, o ambiente pet friendly se torna uma realidade para se adequar as novas necessidades dos profissionais que querem estar perto dos animais durante o período de trabalho, mesmo que fora de casa.

A prática não serve apenas para atrair os profissionais ao modelo presencial, mas também é uma maneira de tornar o ambiente de trabalho mais leve, engajado e saudável. Se a sua empresa ainda não pensa na estratégia pet friendly, deveria, certamente, leva-la em consideração.

Por isso, a seguir, iremos mostrar quatro bons motivos para se tornar um escritório pet friendly. Quer saber mais sobre? Acompanhe a leitura!

1.   Promoção do bem-estar

Não é de hoje que cientistas falam dos benefícios de ter um animal de estimação. Cuidar de um pet está relacionado a fatores como maiores taxas de sobrevivência, menos solidão, melhor bem-estar psicológico, menores taxas de depressão, menores níveis de estresse ou ansiedade, entre outros.

Então, por que não trazer todos esses benefícios para o ambiente de trabalho, uma vez que, os profissionais passam maior parte do tempo na empresa? E a prática não fará bem apenas ao tutor, mas também ao animal.

2.   Contribui com o senso de responsabilidade

Cuidar de um animal é uma responsabilidade tremenda, pois assim como os humanos, eles também sentem necessidades especificas. E muitos colaboradores sentem vontade de levar os pets ao trabalho para cuidar deles com mais zelo e dedicação.

Além disso, por ser um ambiente coletivo, os funcionários precisam ter um maior senso de responsabilidade para manter o local limpo para todos.

3.   Gera mais interação

Quem aqui não se derrete ao ver um pet? Pois bem, dar a possibilidade de os profissionais levarem os animais de estimação a empresa gera mais interação entre os colaboradores, afinal, todo mundo quer saber mais um pouco sobre o bichinho, fazer carinho, brincar e até mesmo ajudar a cuidar. 

4.   Atração e retenção

O pacote de benefícios pode ser um divisor de águas para os profissionais na hora de escolher uma empresa. E os donos de pets que fazem questão de estar com os bichinhos durante o horário de trabalho, certamente, levam em consideração se o ambiente é pet friendly.

Além da possibilidade de receber os bichinhos de estimação, muitas empresas estão oferecendo o benefício chamado PETernidade, em que os profissionais podem tirar licença de dois dias quando adotam um bichinho, para fazer a adaptação do animal em casa.

Se a sua empresa possui a estrutura necessária para ser pet friendly, por que não adotar essa prática? Grandes nomes do mercado já estão tornando essa possibilidade real para engajar os colaboradores e deixá-los cada vez mais à vontade no ambiente de trabalho!

Lorem ipsum dr?

Vamos tomar um café e conversar mais, que tal?

LEIA TAMbém

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no skype
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email