4 dicas de como diminuir o tempo de contratação

Existem alguns processos dentro da empresa que são demorados porque envolvem mais burocracia. 

Um processo seletivo, por exemplo, pode precisar de um pouco mais de tempo, porque exige uma série de atividades, como divulgar as vagas para os perfis adequados para a oportunidade, além de realizar entrevistas e dinâmicas. 

No entanto, a contratação, que é a fase mais esperada por todos, acaba sendo, muitas vezes, a mais exaustiva. 

Algumas pesquisas mostram que o processo de admissão pode levar cerca de duas semanas, na pior hipótese, mas não tão fora da realidade, esse mesmo processo pode levar até um mês, o que torna tudo muito cansativo para o profissional e o recrutador. 

E existem casos em que a empresa, por causa da demora na admissão, perde o candidato selecionado para uma outra companhia. 

Sendo assim, como mudar essa realidade? Abaixo separamos quatro dicas básicas, mas importantes que irão trazer mais agilidade na contratação. 

 

  • Organização é o primeiro passo 

 

Quando uma empresa pretende abrir processos seletivos, a equipe responsável por essas atividades precisa se certificar de que está preparada para tal. Mas isso envolve organização e atribuições de responsabilidades. 

A organização também se refere sobre a documentação necessária para a contratação. Alguns profissionais chegam ir na empresa mais de duas vezes apenas para tratar dos documentos admissionais, tornando tudo muito exaustivo para todos os envolvidos.  Outro ponto relevante é sobre a quantidade de documentos necessários para contratar um profissional. Pedir apenas o que é realmente necessário torna tudo mais prático. 

 

  • Use a tecnologia a favor da empresa 

 

Hoje as empresas estão passando por um processo de transformação para tornar o trabalho mais ágil. Uma maneira de fazer isso é digitalizando os documentos na admissão de um funcionário. 

Imagine o espaço ocupado e a quantidade de documentos e cópias que são guardados. Pense também nos erros de digitação e no trabalho que leva conseguir arquivar tudo ou encontrar algum documento especifico? As vantagens são muitas: mais facilidade para localizar as informações, menos riscos de perder documentos, otimiza o tempo do RH e também mais sustentabilidade.

 

  • Agilize o processo de integração do funcionário 

 

Geralmente é o RH que fica encarregado de providenciar os materiais necessários para o mais novo funcionário começar as atividades. Um novo computador, um kit de boas-vindas, etc. Como dito no primeiro tópico a empresa precisa estar preparada para abrir o processo seletivo, desde a primeira etapa até a última. 

Acontece que com a sobrecarga do RH, muitas coisas acabam ficando para depois e isso atrapalha ainda mais a contratação do colaborador, porque vai se postergando até ter tudo conforme exige a situação. Por isso organização é uma palavra chave para qualquer empresa. 

 

  • Contrate uma consultoria de seleção e recrutamento 

 

Se a empresa preferir, há a possibilidade de contratar consultorias que prestam o serviço de seleção e recrutamento, para facilitar a busca por profissionais, desse modo, o RH pode ficar focado apenas na fase da contratação. 

Entretanto, existem terceirizadas que cuidam também da parte da contratação, facilitando ainda mais o processo. 

Porém, se a empresa não quiser fazer esse tipo de investimento, há a possibilidade de seguir o passo número 2 e criar um processo de admissão digital que possibilita até mesmo a digitalização da assinatura.

Mas lembre-se que ter métodos organizados é o caminho para mais agilidades e menos incômodos com empecilhos que causam demora na admissão do novo colaborador. 

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *