Confraternização: como fazer a festa de fim de ano em meio a pandemia?

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

Com o fim do ano chegando, o clima de festa já começa aparecer, não é mesmo?

Embora o mundo esteja no segundo ano da pandemia e as coisas tenham mudado drasticamente, buscar maneiras de engajar as equipes, especialmente, em épocas como essas, exige um pouco mais de criatividade para organizar as confraternizações para os colaboradores.

Então, para te ajudar com esse desafio, vamos dar algumas sugestões de como preparar a festa de fim ano e melhorar o engajamento dos colaboradores com a sua empresa!

Envie um presente para os colaboradores da sua empresa

Quem aqui não gosta de ganhar um mimo que atire a primeira pedra. Quando chega o fim de ano é normal que as empresas invistam um pouco de dinheiro para dar um agrado aos fornecedores, parceiros e colaboradores. É uma forma de agradecer o ano que se passou, pelos resultados atingidos e desejar prosperidade.

Então, que tal montar um kit e enviar para a casa dos profissionais que trabalham na empresa?

Esse pequeno presente pode ter lembrancinhas de Natal, cartões desejando boas festas com uma mensagem especial para os colaboradores, enfeites natalinos, doces comuns da época, além de um presente especial para os funcionários que pode variar muito, de acordo com o budget da companhia.

O mais importante neste momento é sair da caixinha e usar a criatividade para que os colaboradores se sintam acolhidos e queridos pela organização.  

Ofereça um vale-presente

Quer deixar o presente de fim ano ainda mais personalizado? Ofereça um vale-presente aos colaboradores. Com um cartão pré-pago de valor determinado pela companhia, seus colaboradores conseguem escolher o que querem por conta da empresa! Tem coisa melhor?

Ainda é uma maneira de economizar, pois o preparo de kits pode exigir um custo alto para a empresa, já o cartão pré-pago proporciona mais controle nos gastos, pois gera mais economia e, então, parte do orçamento pode ser redirecionado a outros planos, como por exemplo, aos comes e bebes da confraternização em si.

Proponha atividades para o grupo

Enviar um mimo para os colaboradores é uma boa estratégia, mas que tal reuni-los em uma sala online, neste momento de home office, e propor uma conversa despretensiosa, que não foque no trabalho e até mesmo atividades em grupo para relembrar e reviver as festas e encontros presenciais?

Os colaboradores talvez estejam cansados de estarem separados por meio de telas, no entanto, é possível inovar e fazer com que todos se divirtam juntos!

Propor jogos de competições que sejam possíveis de realizar em casa; bingos com direito a brindes que podem ser entregue depois; karaokês online por meio de sites; aulas diferenciadas, como yoga; entre outras atividades que visam engajar os profissionais e que os ajudem a passar um tempo com os colegas de trabalho sem falar sobre metas ou resultados atingidos, pois o foco aqui é o bem-estar e um momento de lazer.

Novamente, é válido ressaltar que tudo depende do orçamento que a empresa tem para realizar a confraternização de fim ano.

Eventos drive-in

Eventos desse tipo se tornaram comuns durante a pandemia. Algumas sessões de filmes e shows utilizaram dessa ferramenta para não aglomerar. Parece moda antiga, mas pode funcionar muito bem!

Existem empresas que fazem contratação de shows de stand up ou de outros artistas, para que os colaboradores tenham algum tempo de lazer. Mas para isso dar certo, é necessário assegurar que todos os colaboradores possuem condições de ir, afinal, para participar de um evento drive in, é preciso ter um carro à disposição.

Então, antes de organizar algo do tipo, tenha certeza da viabilidade desse plano, ok?

Se tiver uma equipe pequena, avalie a possibilidade de reunir presencialmente

Deixando um pouco de lado a modalidade online, dependendo da quantidade da colaboradores, é possível fazer uma reserva em um restaurante ou bar para renuir os profissionais e fazer uma pequena confraternização.

Com o andamento da vacinação contra covid-19, muitas empresas já voltaram ao trabalho presencial ou semipresencial, do mesmo modo os estabelecimentos já estão recebendo a clientela, sendo assim, é possível levar os colaboradores – dentro de uma quantidade adequada, é claro – para fazer a confraternização de fim de ano presencialmente.

É preciso garantir a segurança de todos, então testes PCR e cartão de vacina em dia são importantes neste momento, para que todos possam estar tranquilos no mesmo ambiente. 

Por que fazer a confraternização?

Não é novidade para ninguém que eventos ajudam a motivar e engajar os colaboradores. No contexto da pandemia, é importante encontrar maneiras para melhorar o humor dos colaboradores e dar um pouco de ânimo para o ano que está por vir.

É um grande desafio para empresa conseguir realizar esses feitos em um período de crise, mas não é impossível. As ocasiões de fim de ano são excelentes meios para isso, pois são maneiras de mostrar ao colaborador que ele é importante para a companhia.

Desse modo, organize a equipe de RH, faça um brainstorm, siga as dicas desse artigo, se atente ao orçamento da empresa e realize a confraternização da firma, pois momentos como esses são importantes para todos os envolvidos.

Nosso artigo foi útil para você? Então compartilhe ele e continue acompanhando o blog da Benefício Certo para mais dicas de RH e gestão de pessoas!

Lorem ipsum dr?

Vamos tomar um café e conversar mais, que tal?

LEIA TAMbém

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no skype
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email