O que é compliance e qual a sua importância?

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

O termo compliance tem ganhado cada vez mais destaque no meio corporativo. Importante para garantir a integridade das empresas de forma transparente e ética, a adoção dessa prática ajuda a fortalecer os negócios das organizações e a manter um código de conduta que possibilite mecanismos para identificar possíveis infrações.

Quer entender melhor sobre esse tema e importância que ele possui no mercado? Continue a leitura a seguir e entenda tudo sobre o assunto.

O que é compliance?

O compliance é um departamento que tem como objetivo garantir que as normas, as leis e as condutas de uma instituição sejam cumpridas. Deste modo faz parte do setor monitorar as atividades e fazer a prevenção de conflitos de interesse.

A empresa deve se adequar ao compliance, isto é, precisa estar de acordo com as regras estipuladas pelos organismos reguladores.

Além do mais, deve garantir o cumprimento dos mais variados instrumentos normativos, pois é somente desta forma que é possível estar de acordo com as condutas corretivas, legislativas, financeiras, contábil, operacional e com a segurança de trabalho.

Qual a importância do compliance?

Dentro de uma organização, o compliance pode ajudar a gerir ou, principalmente, a evitar grandes crises, pois as práticas ajudam a criar um programa de prevenção de riscos, além de obter mais qualidade na gestão de recursos, evitando situações em que a empresa pode pagar multas, indenizações ou cobranças judiciais.

Além disso, o compliance ajuda a fortalecer a marca da empresa, mostrando ao mercado que é uma companhia séria e preza pela integridade e segurança dos colaboradores.

Quem faz parte do compliance de uma empresa?

O compliance officer, no caso, o profissional que está a frente do departamento de compliance, precisa ser multidisciplinar e possuir acesso as diversas atividades que envolvem esta área, como comunicação, auditoria, contabilidade, controles internos, ouvidoria e recursos humanos.

Por ser uma área bem ampla, é natural que os profissionais que atuam neste setor tenham as mais diferentes formações. A organização que vai iniciar esse departamento do zero, precisa ter profissionais que ajudem a criar o código de conduta de acordo com os valores e missão da empresa, portanto, é necessário ter conhecimento profundo sobre a instituição.

Sua empresa tem se preocupado em manter normas regulamentadoras que ajudam a orientar os colaboradores? Essa é uma tendência cada vez mais comum no mercado e organizações que se preocupam com esse fator tendem a ser mais transparentes em seus processos internos.

Gostou do nosso artigo? Continue acompanhando o blog da Benefício Certo pra asi leituras sobre as tendências do mercado!

Lorem ipsum dr?

Vamos tomar um café e conversar mais, que tal?

LEIA TAMbém

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no skype
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email