Saiba mais sobre o Nine Box, a metodologia de avaliação de desempenho

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no email
Email

Existem muitas maneiras de fazer avaliação de desempenho dos colaboradores, uma delas é o Nine Box, uma metodologia que aborda o potencial de desenvolvimento e a produtividade do profissional dentro da empresa.

O objetivo do método é entender, por meio de métricas, quem são os profissionais que precisam de ações e estratégias para que sejam mais bem aproveitados e desenvolvidos.

Como funciona o Nine Box?

De baixo custo, a Nine Box é uma ferramenta visual, no qual, é feito uma tabela com nove quadrados. O eixo vertical categoriza o potencial do colaborador a partir de:

Baixa performance: o profissional não atende as demandas, falhando nas entregas e metas individuais.

Média performance: o profissional atende, de forma parcial, as demandas e metas individuais.

Alta performance: o profissional atende todas as demandas e metas individuais de forma plena.

Já no eixo horizontal a classificação é por desempenho, sendo feita da seguinte forma:

Abaixo do esperado: O profissional trabalha com todo o seu potencial, mas não é esperado que ele melhore ou se desenvolva mais, talvez porque está desmotivado ou no limite de sua capacidade de entrega.

Esperado: o profissional entrega suas atividades e metas, porém pode se desenvolver mais, seja no próprio desempenho ou em especialização da área de atuação.

Acima do esperado: o profissional se destaca, entregando mais do que é esperado, está pronto para ser promovido e assumir mais responsabilidades.

Cada quadrado também é nomeado de acordo com as classificações. É feito da seguinte maneira:

  • Insuficiente: desempenho abaixo do esperado e baixo potencial;
  • Questionável: desempenho abaixo do esperado e médio potencial;
  • Enigma: desempenho abaixo do esperado e alto potencial;
  • Eficaz: desempenho esperado e baixo potencial;
  • Mantenedor: desempenho esperado e médio potencial;
  • Forte desempenho: desempenho esperado e alto potencial;
  • Comprometido: desempenho acima do esperado e baixo potencial;
  • Forte desempenho: desempenho acima do esperado e médio potencial;
  • Alto potencial: desempenho acima do esperado e alto potencial.

 

A partir desse desenho, é possível entender em qual “status” o colaborador se encontra. Por exemplo, se ele se encaixa no quadrado alto potencial, significa que ele está pronto para assumir mais responsabilidades e merece ser promovido.

Mas se por outro lado, algum colaborador é classificado como questionável ou insuficiente, no que se refere ao desenvolvimento e entregas de trabalho, significa que a empresa precisa tomar alguma decisão para melhorar esse quadro.

O que vai acontecer com cada profissional após essas análises fica a critério da empresa, que deve definir diretrizes para lidar com cada situação e perfis de profissionais.  

Esse recurso pode ser utilizado de forma bem simples no Excel, desenhando os noves quadrados e classificando-os ou pode ser utilizados softwares que ofereçam essa ferramenta. De todo modo, qualquer empresa consegue usar essa estratégia.

Por que usar essa metodologia?

Uma empresa que valoriza o desempenho e desenvolvimento dos colaboradores sabe da importância de fazer análises fundamentadas para entender cada perfil profissional e buscar melhorias a partir do dos resultados que eles entregam e metas alcançadas.

Diante disso, podemos citar alguns benefícios que o método Nine Box pode acrescentar as empresas. Veja a seguir:

Retenção e motivação

Ferramentas que ajudam o RH a avaliar o desempenho e potencial dos colaboradores contribuem com uma política de incentivo e reconhecimento mais assertiva e justa. Pois ajuda a reconhecer os profissionais que se destacam e a entender como dar aquele “empurrãozinho” aos colaboradores que precisam de mais motivação.

Vale ressaltar que também é um jeito de identificar contratações consideradas ruins e a melhorar os processos seletivos para que sejam mais estratégicos na busca de talentos para a empresa.

Melhor gestão de pessoas

Esse tipo de estratégia ajuda os gestores a compreenderem quais são os pontos fracos e fortes dos profissionais, possibilitando um feedback preciso e com foco no desenvolvimento dos colaboradores da empresa.

A metodologia elimina a possibilidade de tomar decisões baseadas em achismo, possibilitando a visualização de um panorama geral sobre o colaborador dentro da empresa. 

Ações estratégicas

Como o objetivo do Nine Box é ter um olhar individual para com os colaboradores, é possível pensar em estratégias focadas no profissional para o desenvolvimento dele e da empresa, tendo em mente diversos cenários e situações que podem acontecer, prevendo as melhores resoluções.

E então, o que achou dessa metodologia para avaliação de potencial e desempenho dos profissionais?

Quer ler mais dicas de gestão de pessoas? Continue acompanhando o blog da Benefício Certo!

Celso Campello Neto

Professor universitário e CEO da
Benefício Certo

Lorem ipsum dr?

Vamos tomar um café e conversar mais, que tal?

LEIA TAMbém

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no skype
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email